Roberto Alexandre do Carmo Said http://lattes.cnpq.br/0894958518829730

Última atualização do Lattes: 14.05.2020

Nomes de citação: SAID, R. A. C. / SAID, ROBERTO ALEXANDRE DO CARMO
Numero de Citações: Não informado

Fator H: Não informado

Mestrado: 7
Doutorado: 0
Pos-Doutorado: 0
Outras: 19
  • Trabalho Técnico (11)+
    • Ano
      2016
      Título
      De poeta a poeta: Sophia de Mello Breyner Andresen lê Cecília Meireles, Manuel Bandeira e Murilo Mendes
    • Ano
      2016
      Título
      Fluxocircular: o movimento do existir na poesia de Orides Fontela
    • Ano
      2016
      Título
      REVISTA MARGEM
    • Ano
      2015
      Título
      A literatura menor de Graciliano Ramos: uma cartografia de Infância
    • Ano
      2015
      Título
      Mosaicos, hiperlinks e outras dispersões: análises de Eles eram muito cavalos, de Luiz Ruffato, e Ó, de Nuno Ramos.
    • Ano
      2015
      Título
      EDITORA/CADERNO DE POESIA
    • Ano
      2014
      Título
      Studium e punctum no romance biografia Zélia, uma paixão: produzindo um biografema de Fernando Sabino
    • Ano
      2014
      Título
      Novas Tecnologias e Produção Científica e Cultural da Universidade
    • Ano
      2014
      Título
      Histórias de gabinete: a biografia colecionista de Pablo Neruda
    • Ano
      2011
      Título
      Trânsitos culturais e interfaces latino-americanas: exílio e pós-exílio (parecer)
    • Ano
      2010
      Título
      PNLD 2012
Nome da especialidade (número de vezes que aparece no Lattes)
modernidade Poesia Carlos Drummond de Andrade Filosofia identidade ficção Acervos literários Literatura poesia contemporânea Memória Nação Modernismo biografia cultura narrativa Escrita Autobiografia Arquivo contemporâneo autoria política Cinema História Intelectual corpo Jacques Derrida poder Cyro dos Anjos tradução Belo Horizonte Walter Benjamin Leitura Cidade Intertextualidade Produção Textual comunicação gêneros textuais Graciliano Ramos ensino de leitura Gestão biopolítica pós-modernidade Linguagem diferença Guimarães Rosa Experiência Teoria da Literatura História intelectual Silviano Santiago Correspondência de Escritores Desconstrução arte contemporânea animal informação Gilles Deleuze recepção amizade Anacronismo estudos culturais Waly Salomão Jorge Luis Borges edição Identidade Nacional mimesis e representação contracultura tradição Crítica cultural canção Loucura Rui Knopfli Ética metafísica Italo Calvino Logos Candido Portinari produção de texto Residuos Melancolia Globalização Ficção e história cultural tempo Romance METAPOESIA representação Poesia Moderna Violência Artes Plásticas Luiz Costa Lima Cartografia e-book Paulo Leminski Catástrofe Riso Nuno Ramos Cotidiano Maurice Blanchot ACOMPANHAMENTO Vinicius de Moraes Narrativa contemporânea Platão Glauber Rocha territórios Antropofagia Humanidades crônicas metalinguagem Afrodescendência democracia Filosofia Francesa Crítica Literária Atlas Jean-Luc Godard Charge Teoria Musical concretismo pintura João Gilberto Noll entre-lugar Expressionismo periferia redes Língua Portuguesa Transgressão SINTESE Cultura de Massa Historiografia Imagem pseudônimos literatura infantil Literatura Latino-Americana Patrimônio Cultural controle do imaginário Tropicalismo Melville Teorias clássicas da poesia afetos Michel Foucault Soberania financiamento pathos documentário Clarice Lispector Surrealismo Ensino Médio Pesquisa Científica modernidade literatura globalização tempo corpo Inveja Fedro Feminino Projeto Gráfico Literatura africana Crise Caetano Veloso Luto Literatura Contemporânea Arnaldo Antunes coleção Wander Melo Miranda poesia Drummond modernidade intelectual poder Jaques Derrida Pesquisa Cecília Meireles Orides Fontela Ficção contemporânea Antologia Pós-colonialismo Moçambique montagem Literatura fantástica Hilda Hilst Pesquisa e diagnósticos PATROMÔNIO teoria da dependência Trabalho de Citações Deformação Bartleby Tecnologia Shapespeare Minorias Mímesis Nelson Rodrigues Ritmo Doença Sentidos Gênero Cornélio Penna Ïndia Colonização simbólica nouvelle vague infância Subjetividade Darcy Ribeiro Percepção ALTO MODERNISMO
CTIT UFMG